Warning: mysql_query(): Access denied for user 'mitofree'@'localhost' (using password: NO) in /home/mitofree/public_html/wp-content/themes/rockwell_v1.6/freshwork/functions/freshoptions.php on line 33

Warning: mysql_query(): A link to the server could not be established in /home/mitofree/public_html/wp-content/themes/rockwell_v1.6/freshwork/functions/freshoptions.php on line 33

Warning: mysql_fetch_array() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/mitofree/public_html/wp-content/themes/rockwell_v1.6/freshwork/functions/freshoptions.php on line 34
Orçamento de freela: A verdadeira areia movediça | Mito Freela | Soluções Gráficas e DigitaisMito Freela | Soluções Gráficas e Digitais
Cel.: (31) 9-9343-7858
Whatsapp: (31) 9-9343-7850
Email: contato@mitofreela.com.br
End.: Ouro Preto | Minas Gerais

Orçamento de freela: A verdadeira areia movediça

Olá, criaturinhas! Muito tempo sem DDD aqui, né?

Não que não tenhamos enfrentado situações cotidianas para isso, mas as coisas apertaram na Mito!!! Mudanças, adaptações, enfim…

Verdade é que voltei com um tema um tanto quanto polêmico. Os orçamentos.
Vamos falar sobre alguns problemas em orçar freelas e as melhores formas de contornar isso!

Acredito que para todo profissional o orçamento é quase como um beijo: um momento intimo entre freelancer e cliente. Porém, orçamentos de freelas é a verdadeira areia movediça! Então, fique atento nessas dicas e tente não se afogar nesse lamaçal, cara criaturinha!

Muitos freelancers costumam procurar os jobs através de redes sociais e/ou sites de buscas especializados em freelas. Normalmente as informações disponiveis são sintéticas, onde o interesse maior é conseguir um freelancer rápido e pelo menor preço. Ai é onde se esconde o perigo!

Todos os dias vejo no twitter pessoas falando: “Preciso de diagramador para job rápido e fácil!”, “Preciso urgente de web designer freela para site fácil”, etc. Sempre que ler as palavras “rápido” e “fácil” adjetivando um job, fuja para as montanhas!!!

Para tornar nossa vida mais emocionante e aumentar o nível de adrenalina no organismo: sempre pedem para enviarmos o orçamento baseando no “rápido e fácil”!

Como a Mito adora desafios e não costuma fugir para as montanhas, saiba como lidamos com nossos orçamentos!

1 – Informação: algo essencial para sua vida!

Antes de pensar em qualquer valor, pense em informação!
Vamos trabalhar com um anuncio hipotetico. Você está lindamente buscando freelas pelo twitter quando se depara com o seguinte anuncio: “Preciso de web designer freela para site Simples: home, quem somos, serviços e contato”. URGENTE! Orçamentos para xxxxx@xyz.com.br”

Uma coisa que aprendi na marra durante esses anos designeando é colher todo o tipo de informação antes de distribuir os cifrões! Mande um email pedindo que o contratante detalhe o projeto. No caso do nosso exemplo, procure saber se vai haver banco de dados, area administrativa, se você fará o layout, qual a plataforma, se terá interação com redes sociais, enfim… toda e qualquer duvida que poderá interferir no valor do projeto posteriormente.

A maioria dos clientes não são espertalhões que querem dificultar ou te passar a perna. A maioria apenas está querendo agilidade. Por isso, faz toda a diferença seu primeiro contato: Se apresente, explique a razão de estar pedindo todas as informações, seja carismático e profissional!
Segue abaixo algumas informações importantes que podem ajudar no seu orçamento:

  • O que é o projeto?
  • Qual a finalidade?
  • Qual o prazo de desenvolvimento?
  • Quais as particularidades do projeto? (banco de dados, arquivos editáveis, preparação para gráfica, animação, ilustração personalizada, etc)
  • O cliente possui os arquivos nativos?
  • O cliente possui todas as informações que constará no job?
  • Você criará textos ou nomes?

Essas são somente perguntas para uma base de referência. Tente fazer o mais personalizado possível para que não tenha nenhuma “fuga” de informação.

2 – Cuidado com os espertalhões!

Pedir informações também é uma forma de fugir de pessoas mal caráter e especuladores. Sim, existem pessoas que solicitam orçamentos por incapacidade ou falta de segurança para criar seus próprios preços. Particularmente, não nos importamos muito com orçamentos de especulação.

Porém, os mal caráteres são os que realmente você precisa ficar de olho! Esse tipo de contratante faz de tudo para que você faça o orçamento baseado no “fácil e simples” e, no decorrer do job, várias alterações e “pequenos” pedidos fazem o site simples virar uma programação em flash, com banco de dados e area administrativa integrada com todas as redes sociais e um SEO magnifico! E, algumas dessas “necessidades ocultas” do cliente podem fazer com que o o job dê errado!

Caso isso tenha acontecido ou esteja acontecendo, seja claro com seu cliente. Fale que o combinado inicial não incluia programação em flash, nem SEO, ou área administrativa. E que para esse tipo de implementação, será necessário um novo orçamento. Ai, cara criaturinha, é se orientar e seguir os passos corretamente!

3 – Seja claro e descreva o que está orçando

Após o cliente do nosso exemplo ter respondido seu email com todas as informações detalhadas sobre o que ele precisa, você pôde descobrir que o site simples, na verdade, era um site com banco de dados e área administrativa, porém com conteúdo estático.

Hora de enviar o orçamento!

Calcule o tempo que você irá gastar, projete o tempo necessário para alterações e eventuais contratempos,  consulte sua grade de jobs e monte seu valor!
Valor em mãos, hora de descrever nos minimos detalhes o que aquele valor cobre.
Porque isso, Mari? Para evitar espertalhões e deixar o cliente mais seguro, ciente de que você entendeu exatamente o que ele precisa e que é exatamente isso que você irá fazer!

O grande conselho

Não seja afoito! É melhor para você e para seu cliente que qualquer comunicação seja feita de forma clara e detalhada!
Não é errado querer mais detalhes sobre algo que você vai fazer… errado é você fazer algo onde o final será total e absurdamente fora da proposta inicial!

=D

5 versões do Mito

  • Paola Giovana 9 de novembro de 2011

    Mari sempre generosa com as dicas!

    Realmente, nem sempre a primeira idéia que temos do que o cliente diz ser o trabalho é o que será feito na prática. É sempre bom ter certeza de todos os detalhes do projeto para não termos surpresas desagradáveis ou cobrarmos um valor que não seja justo para nós ou para o cliente.

    Os clientes também deveriam ler o seu post! Porque detalhar honestamente o que ele espera dos freelancers é garantir que ele também receba um orçamento adequado.

    Mais uma vez, parabéns pela boa escrita e pelas ótimas dicas saídas do nosso dia a dia com a Mito! =D

    Respond
    • Mari Andrade 9 de novembro de 2011

      Realmente tem situações bem desagradáveis com o tema “orçamento”! hauhauhauha Mas são coisas que eu e você contornamos tranquilamente na Mito, né?
      É sempre importante nos cercarmos de todos os detalhes, ambientarmos com as necessidades do cliente e a nossa realidade!

      Respond
      • Paola Giovana 9 de novembro de 2011

        Simsim! Com cada trabalho e cliente novos aprendemos mais e trazemos mais qualidade e eficiência aos nossos serviços! =)

        Respond
  • Amanda Almeida 9 de novembro de 2011

    Muito bacana o texto! Faço freelas, mas de fotografia. E adaptando-se o texto para a minha área, foi exclarecedor da mesma forma. É exatamente isso, na ânsia de fechar e com o medo de perder o trabalho, algumas vezes a gente se precipita, dá um orçamento X sem ter os dados necessários e aí tudo se complica lá na frente.

    Isso a gente vai aprendendo com a experiência, mas o toque é muito bom pra quem tá começando. Parabéns pelo texto!

    Respond
    • Mari Andrade 9 de novembro de 2011

      Obrigada, Amanda! Muitas vezes nos arriscamos para não perder o incerto, que acaba dando mais dores de cabeça do que satisfação (monetária e emocional). Mas é como você disse: são coisas que vem com a experiência!
      Continue acompanhando o DDD! Sempre temos algumas dicas no minimo engraçadas! =D

      Respond

Aumentar um ponto

Mito - Soluções Gráficas e Digitais